Voltar
Placeholder image
Um programa de fomento à inovação, pensado e coordenado pela SECTI-RJ, que através das suas vinculadas Faperj, Proderj e Startup Rio, busca transformar ideias de empreendedores em produtos que solucionem problemas relevantes e prioritários para as Secretarias de Estado da Saúde, Educação, Segurança, Transporte e Fazenda.
Com o sucesso e consolidação do Startup Rio em transformar ideias em protótipos funcionais de base tecnológica - (110 MVPs em 3 anos), a SECTI-RJ resolve expandir sua estratégia de fomento para a "inovação aberta" através das encomendas. Acreditamos que ao compartilhar problemas públicos com o cidadão especialista (empreendedor), estamos unindo esforços em busca do desenvolvimento de soluções mais ágeis e transparentes, reduzindo custos, prazos e melhorando a qualidade do serviço ao cidadão.
Fase 1: aplique a sua ideia até o dia 19/02 no site http://www.startuprio.rj.gov.br/demoday/desafio.html
* ATENÇÃO: envie no mínimo o escopo funcional detalhado, com esquemas e requisitos técnicos essenciais para o funcionamento do protótipo. Não fique só nas palavras de um plano solto, num "desejo". Nos envie referências nacionais e internacionais demonstrando que a sua sugestão de solução técnica é a que merece se transformar em protótipo para o goverdo do estado do Rio.
Fase 2: de 19/02 até 03/03 uma uma banca avaliadora irá julgar o mérito de sua sugestão, aprovando-a ou não;
Fase 3: de 06/03 até 10/03 você defenderá ao vivo a sua idéia aprovada junto a banca (máximo de 15 minutos);
Fase 4: de 13/03 até 29/9 início do desenvolvimento da ideia em produto (protótipo funcional em ambiente controlado);
- Assinatura de um Convênio em Termo de Cooperação Técnica com a SECTI-Rj, sem repasse financeiro;
- Desenvolvimento de ideia em produto através das consultorias e mentorias do Startup Rio;
- Acesso aos dados abertos em bancos do Proderj que sejam essenciais para a solução;
- Acompanhamento e mentoria do Proderj até a implementacao da PoC (Proof of Concept) junto ao órgão público selecionado (Saúde = Hospital / Educação = Escola / Transporte = Ônibus-Metrô-Trem);
- Acreditação técnica e chancela de apoio da SECTI, Faperj, Proderj, Startup Rio;
- Apoio e relacionamento para novas parcerias com o ecossistema inovador;
- Possibilidade de contratação da solução (a ser analisada pontualmente e dependendo da especificidade de cada uma das ideias apresentadas, do grau de implementacao, qualidade do prototipo, sucesso na PoC e outros fatores conforme a Lei 8.666);
- Redução de custos e prazos no desenvolvimento e implantação de soluções de base técnológica (sistemas, softwares, aplicativos, aplicações, hardwares, processos digitais e afins);
- Aumento da qualidade das soluções em TIC (tecnologia da informação e comunicação) aplicada;
- Protótipos funcionais em PoCs (provas de conceito);
- Transparência nas tomas de decisões de investimentos em tecnologia;
- Criatividade e agilidade na solução de problemas de forma aberta e colaborativa com o cidadão;
Pessoas físicas (CPF) residentes no estado do Rio de Janeiro, com conhecimento de causa na solução técnica (próprio ou sócio, parceiro, fornecedor);
Pessoas Jurídicas (CNPJ) com no máximo 5 anos de existência, integrante do Simples Nacional, e sede no estado do Rio de Janeiro, com expertise comprovada na área;
- O mesmo CPF ou CNPJ não pode aplicar mais de uma solução;
- Ao longo do desenvolvimento da ideia em produto, será obrigatória a presença física no espaço de trabalho compartilhado na Rua do Catete 243, ao menos 20 horas por semana ao longo de 6 meses;

- Regulamento e via Edital (em desenvolvimento)
- Decreto (em desenvolvimento)
- Modelo de Convênio (em desenvolvimento)